playlist Music

quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

MATTHEW STEVENS – WOODWORK (Whirlwind Recordings)



O guitarrista Matthew Stevens tem construído uma reputação como um seguro e criativo acompanhante, graças ao trabalho com Walter Smith III, Harvey Mason e Christian Scott, com quem gravou cinco discos. Agora Stevens, que toca violão e guitarra, lançou seu álbum de estreia como líder, Woodwork, liderando uma banda impressiva, que inclui o pianista Gerald Clayton, o baixista Vicente Archer, o baterista Eric Doob e o percussionista Paulo Stagnaro. Stevens é um compositor cerebral que pode elaborar arranjos densos com entrelaçamentos, linhas deslizantes emergindo de numerosos membros da banda. Todas as músicas neste disco com 57 minutos são inéditas exceto uma interpretação de “Sunday” de David Bowie. A versão dinâmica de “Sunday” é vital, o que não é surpreendente, considerando que a elaboração dos arranjos jazzísticos para canções pop é a especialidade do Next Collective, uma banda em que Stevens e Clayton atuam e que lançou, em 2013, o álbum “Cover Art”. Em suas composições inéditas, Stevens incorpora um leque de influências, que inclui sabores da tradição norte-americana e o fusion. Há uma densidade em suas composições que dá a elas um peso intelectual, mas o espírito é iluminado graças à fluidez dos segmentos solos, incluindo um feérico Clayton e linhas improvisadas em “Grown Ups”. Stevens pode escrever uma melodia memorável, como ele faz na faixa título, que mistura um tema acessível com solos intrincados e imprevisíveis. Uma versão digital de “Woodwork” que foi masterizada para o iTunes está disponível. 

Faixas: Ashes (One); Star L.A.; Woodwork; Sequel; Blasted; Sunday; Gut Check; Brothers; Ashes (Two); Uptown Dance Party; Grown Up; Gently.

Músicos: Matthew Stevens: guitarra; Gerald Clayton: piano; Vicente Archer: baixo; Eric Doob: bateria; Paulo Stagnaro: percussão.

Para conhecer um pouco deste trabalho, assistam ao video abaixo:

 
Fonte: BOBBY REED (DownBeat)

Nenhum comentário: